Browse By

Sem poder advogar por 6 meses Moro terá salário de ministro

Sem poder advogar por 6 meses Moro terá salário de ministro

Foi divulgado hoje (02), pela Comissão de Ética da Presidência da República, que o ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro, está impedido de advogar por seis meses.

A permissão se limita apenas em lecionar e escrever artigos. Entretanto Moro será remunerado como ministro, R$ 31 mil, pagamento dos integrantes do primeiro escalão do governo.

há dias atrás, o conselho determinou uma “quarentena” para o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta, o impedindo de atuar na iniciativa privada por seis meses.

O salário de ministro, no período, também seguirá pago. Mandetta recorreu da decisão, pois quer atuar em consultorias e palestras.

Moro e Mandetta

A justificativa desse impedimento de exercer atividades profissionais impostas aos ex-ministros, tem relação o acesso a informações privilegiadas no governo, adquiridos em relação ao cargo exercido.

Ambos os ministros deixaram o governo rompidos com o presidente Bolsonaro. E são adversários políticos, inclusive com chances de entrarem em uma disputa eleitoral em 2022.

Afastamento

No dia 24 de abril, o ex-ministro da Justiça pediu demissão e acusou Bolsonaro de tentar interferir politicamente na Polícia Federal. A acusação virou alvo de um inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF), que pode implicar o presidente em crime de responsabilidade.

Luiz Henrique Mandetta deixou o governo dia 16 de abril após resistir à interferência do presidente sobre as medidas de enfrentamento à pandemia do coronavírus, como o uso amplo da cloroquina, contrariando pesquisas científicas, e o fim do isolamento social.

*Com colaboração de conteúdo do Estadão e Jovem Pan

Visite nossa pagina TV Bolsonaro Presidente no Facebook e faça parte da nossa comunidade!

Volte à Pagina Inicial do Nosso Site Para Ver as Notícias do Dia!

Sem poder advogar por 6 meses Moro terá salário de ministro

Foto: Jovem Pan

Entretanto. No entanto. De acordo com o. Ainda de acordo com. Mesmo que. Por outro Lado… Além disso… Mesmo porque… Aliás… Afinal… Ademais… Anteriormente… Assim… contudo… Embora… Enquanto… Então… Entretanto… Outrossim… Pois… Por enquanto… Por enquanto…