Mulher de Fernando Haddad recebeu mais de R$32 mil de fundação do Maranhão




 

Entidade a 3.000km de SP pagou a Ana Estela Haddad R$32 mil em 2018.

Mulher do ex-candidato do PT a presidente, Ana Estela Haddad desfruta de boquinha a quase 3 mil quilômetros de distância em uma fundação credenciada pelo Ministério da Educação no Maranhão, um dos estados mais pobres do País. Só em 2018, Ana Estela recebeu mais de R$32 mil da Fundação Josué Montello, parceira do governo Flávio Dino (PCdoB). Este ano, madame já levou R$ 13 mil. Planilha no blog do jornalista Filipe Mota atesta a remuneração do CPF *.257.668-.**. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

A coluna tentou sem êxito saber da sra. Haddad a natureza do vínculo à Fundação. O PT desconversou, dizendo não tratar de “assuntos de natureza pessoal”.

Procurado, o governo do Maranhão, controlado pelo PCdoB, partido que é velho aliado do PT, não respondeu aos questionamentos.




A Josué Montello já se enrolou com o Ministério Público no passado. As contas de 2004 a 2008 foram rejeitadas pelo Tribunal de Contas.

A fundação Josué Montello também foi indagada sobre o assunto, mas se recusou a explicar o vínculo com Ana Estela Haddad.

‘Não é boquinha, é consultoria’
Nesta terça (9), por sua assessoria, Ana Estela Haddad confirmou que há um contrato de consultoria “com o objetivo de desenvolver projetos relacionados a educação à distância, na esfera do Unasus (Universidade Aberta do SUS), criado por ela na época em que trabalhou no Ministério da Saúde”.

A assessoria define a mulher do ex-candidato petista como “uma ativa intelectual, professora, doutora da Faculdade de Odontologia da USP” e “uma das criadoras do Prouni e do Unasus, a Universidade Aberta do SUS.”

A consultoria deAna Estela, segundo a assessoria, tem prazo e deve terminar em 2020. “Está tudo publicado no Diário Oficial”, negando tratar-se de uma “boquinha”, “mas de um trabalho efetivo que visa melhorar as condições de atendimento à saúde no Estado do Maranhão”.

Anuncie Sua Marca Aqui

Visite Nosso Canal “WOL Notícias – World OnLine” No Youtube




Associação pede ao STF fim dos transportes coletivos de passageiros por meio de aplicativo
Presidente Bolsonaro vai analisar horário de verão
Eduardo Bolsonaro denuncia agressões durante ato contra a ditadura
Bolsonaro visita muro das lamentações em Jerusalém
Recurso de Lula será analisado pelo STJ
Alerj pedirá investigação sobre atuação de snipers no Rio de Janeiro
Ministro Barroso diz que ‘a sociedade deixou de aceitar o inaceitável’
Maduro anuncia racionamento de eletricidade na Venezuela
Deixe Seu Comentário