Gabinete de Segurança da Presidência nega ter recebido recados por parte da CIA

Gabinete de Segurança da Presidência nega ter recebido recados por parte da CIA.

O GSI (Gabinete de Segurança Institucional) da Presidência emitiu uma nota, nesta última quinta-feira (05/05/2022), negando ter recebido recados por parte da CIA em relação às eleições de 2022.

O pronunciamento da pasta ocorre após a Reuters veicular que o diretor da agência de inteligência norte-americana, Willian Burns, teria orientado o Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro (PL) a parar de questionar o processo eleitoral brasileiro, durante reunião em julho, do ano passado.

“Os assuntos tratados em reuniões na área de inteligência são sigilosos. O GSI não recebe recados de nenhum país do mundo, nem os transmite. Temos um excelente corpo de diplomatas e adidos para tratar dos interesses nacionais”, declarou o GSI, por intermédio de nota.

O diretor da CIA esteve com o presidente, o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno, e o até então diretor da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Alexandre Ramagem, durante sua viagem ao Brasil em 2021. Ele também jantou com o general Luiz Eduardo Ramos, ministro de Estado Chefe da Secretaria-Geral da Presidência.

Volte à Pagina Inicial do Nosso Site Para Ver às Notícias do dia a dia!

Visite a TV Bolsonaro Presidente nossa página no Facebook e faça parte da nossa comunidade.

Gabinete de Segurança da Presidência nega ter recebido recados por parte da CIA

Gabinete de Segurança da Presidência nega ter recebido recados por parte da CIA
Gabinete de Segurança da Presidência nega ter recebido recados por parte da CIA