Browse By

Alexandre de Moraes derruba narrativa de interferência de Bolsonaro na PF

Alexandre de Moraes derruba narrativa de interferência de Bolsonaro na PF, ao promover uma verdadeira perseguição do STF, a personalidades de direita, como deputados bolsonaristas, jornalista e humorista favoráveis ao governo do presidente Jair Bolsonaro.

O jornalista Allan dos Santos, do Terça Livre, declaradamente de Direita, apoiador do presidente Jair Bolsonaro, tem sofrido uma série de intimidações por parte do Supremo Tribunal Federal (STF), em um inquérito relatado pelo ministro Alexandre de Moraes.

Desde o início do inquérito das Fake News, o ministro Alexandre de Moraes vem perseguindo personalidades de Direita, Jornalistas, como Allan dos Santos, deputados bolsonaritas, e humoristas, que são alvos de Operação da Polícia Federal (PF), deflagrada na manhã desta quarta-feira (27), no âmbito do inquérito do STF.

Allan do Santos divulgou nota, onde ele afirma que a PF esteva na sede do Terça Livre em Brasília e apreendeu computadores, e documentos. Veja a nota do jornalista:

Assim como o jornalista, oito deputados são alvos da Operação da PF. São eles:

  • Bia Kicis (PSL-DF)
  • Carla Zambelli (PSL-SP)
  • Daniel Lúcio da Silveira (PSL-RJ)
  • Filipe Barros (PSL-PR)
  • Junio Amaral (PSL-MG)
  • Luiz Phillippe Orleans e Bragança (PSL-SP)
  • Douglas Garcia (PSL-SP)
  • Gil Diniz (PSL-SP)

Nenhum deles é alvo de mandado de busca e apreensão, mas o ministro Alexandre de Moares determinou que eles sejam ouvidos no próximos 10 dias.

Desta vez, até o humorista Rey Biannchi, foi alvo da operação que, só mira personalidades de direita.

O humorista publicou em suas redes sociais, um vídeo em que ele mostra que os agentes federais estiveram em sua casa por volta das 6h18 de hoje, com mandado judicial.

Rey divulgou nota dizendo que o STF quer calar a boca daqueles que é contra a corrupção.

“Eles querem me calar, por causa desse discurso tipo Enéas atômico. Mas Dharma me protege. Combato corruptos e políticos vagabundos há 28 anos” escreveu o humorista.

Como todas as ações citadas acima, fica extremamente escancarado que não há interferência do presidente Bolsonaro nas ações da polícia federal, uma vez que, se houvesse, o presidente Jair Bolsonaro jamais deixaria que a PF cometesse tal abuso de poder, mobilizando uma ação contra pessoas respeitadas, nacionalmente, e que não cometeram crime algum.

Vale ressaltar que há mobilizações para se proibir ações das polícias civil e militar, contra o crime organizado e tráfico de drogas, durante a pandemia; Mas de repente, as operações que visam favorecer interesses escusos de políticos e autoridades seguem á pleno vapor.

Visite nossa pagina TV Bolsonaro Presidente no Facebook e faça parte da nossa comunidade!

Volte à Pagina Inicial do Nosso Site Para Ver as Notícias do Dia!

Alexandre de Moraes derruba narrativa de interferência de Bolsonaro na PF

Entretanto… No entanto… De acordo com o… Ainda de acordo com… Mesmo que… Por outro Lado… Além disso… Mesmo porque… Aliás… Afinal… Ademais… Anteriormente… Assim… contudo… Embora… Enquanto… Então… Entretanto… Outrossim… Pois… Por enquanto… Por enquanto…