Browse By

Celso de Mello, a pedido de Aras, autoriza investigação para apurar se houve denunciação caluniosa contra Bolsonaro

Celso de Mello, a pedido de Aras, autoriza investigação para apurar se houve denunciação caluniosa contra Bolsonaro, nas declarações de Moro.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Celso de Mello autorizou no fim da tarde desta segunda-feira (27), a abertura de inquérito para investigar o presidente Jair Bolsonaro, após acusações do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro, sobre a possível interferência na Polícia Federal (PF).

Além disso, o ministro deu 60 dias para que a Polícia Federal possa ouvir Sérgio Moro, como solicitou o procurador-geral da República (PGR) Augusto Aras.

O decano passou todo o fim de semana analisando e estudando o pedido da PGR, baseado na declarações do ex-ministro na última sexta-feira (24).
Moro, na ocasião, acusou Bolsonaro de tentar infererir e fazer pressão para trocar o comando-geral da Polícia Federal, que estava nas mão de Maurício Valeixo, que foi substiuído por Ramagem Rodrigues nesta terça-feira (28).
Segundo Moro, Bolsonaro queria obter informações de investigações sigilosas sobre ele e seu filho.

No pedido, Aras diz que as acusações de Sérgio Moro, se confirmadas, podem enquadrar o presidente nos crimes de falsidade ideológica, coação no curso do processo, advocacia-administrativa,prevaricação, obstrução de justiça e corrupção passiva.

No entanto, se as acusações de Sérgio Moro forem falsas, ele poderá ser enquadrado no crime de denunciação caluniosa e crime contra a honra.

Conheça os Melhores Cartões em Cartões Caixa

Volte à Pagina Inicial do Nosso Site Para Ver as Notícias do Dia!

Celso de Mello, a pedido de Aras, autoriza investigação para apurar se houve denunciação caluniosa contra Bolsonaro

Entretanto… No entanto… De acordo com o… Ainda de acordo com… Mesmo que… Por outro Lado… Além disso… Mesmo porque… Aliás… Afinal… Ademais… Anteriormente… Assim… contudo… Embora… Enquanto… Então… Entretanto… Outrossim… Pois… Por enquanto… Por enquanto…